A Marcha para Jesus: Os Três Lados da Moeda

Na última marcha para Jesus, este blog deu uma visão geral das controvérsias entre os números divulgados pelos vários órgãos da imprensa. Agora, apresentaremos duas notícias que nos chamou a atenção nesta “marcha”, os dois lados da moeda; e caberá ao leitor tirar suas próprias conclusões. O leitor é o terceiro lado desta moeda, pois toda moeda tem três lados.

PM estima que 2 milhões de pessoas tenham ido à Marcha para Jesus em SP
Polícia Militar de São Paulo estimou em 2 milhões o número de pessoas que compareceram à 18ª Marcha para Jesus, que ocorreu nesta quinta-feira em São Paulo.
Apesar disso, a organização do evento manteve a estimativa de que 5 milhões de simpatizantes da Marcha tenham ido à zona norte da capital paulista. O ponto de concentração foi a praça Heróis da FEB (Força Expedicionária Brasileira), na zona norte.

O apóstolo Estevam Hernandes e a sua mulher, bispa Sônia Hernandes, fundadores da Igreja Renascer em Cristo, comandaram o evento, com entradas no palco para orações e discursos, intercalados com shows de diversos cantores evangélicos e bandas.
Eles fizeram todo o percurso da Marcha, desde o ponto inicial, na estação Tiradentes do metrô, até o final, na praça da FEB, em cima de um dos 14 trios elétricos que passaram pelo evento.
Estevam concendeu uma entrevista coletiva, mas se recusou a responder sobre o processo que enfrenta na Justiça por evasão de divisas e falsidade ideológica.
Os participantes da Marcha, incluindo muitos jovens, cantaram orações em ritmos como rap, rock, axé e hard core. Trinta e cinco bandas se apresentaram nesta quinta, entre elas Renascer Praise, André Valadão, Chris Duran, Leonardo Gonçalvez, Banda do PA, Soraya Moraes e Davi Sacer.

Evangélicos fazem protesto contra "igrejas capitalistas"
Com bandeiras e camisetas que diziam "Marcha pela ética evangélica brasileira. O $HOW tem que parar", cerca de 20 pessoas realizaram um protesto contra lideranças evangélicas durante a Marcha para Jesus. O alvo dos manifestantes era a teologia da prosperidade, professada por algumas das principais lideranças evangélicas do país, dentre elas a Renascer em Cristo.
"O que estamos vendo é a proclamação de um evangelho monetário. E a Bíblia não é um veículo de lucro", disse Paulo Siqueira, idealizador do protesto.

Teólogo e membro da Igreja do Evangelho Quadrangular, ele afirma que a maior parte das igrejas evangélicas no Brasil virou capitalista.
"Não há lugares para os pobres dentro da igreja. A igreja se tornou um veículo de elitização. Falam de prosperidade, de troca monetária. Se você é pobre, oferte, dizime, e, enquanto isso, muitos pobres padecem no país", diz ele.

Nota/Fonte
As notas/reportagens são de Fernando Gallo, da Folha de São Paulo.
Disponíveis em http://www1.folha.uol.com.br/poder/745224-pm-estima-que-2-milhoes-de-pessoas-tenham-ido-a-marcha-para-jesus-em-sp.shtml e
http://www1.folha.uol.com.br/poder/745309-evangelicos-fazem-protesto-contra-igrejas-capitalistas.shtml

2 comentários:

  1. Marcha para Jesus!!!
    Vitor e demais internautas, pergunto:
    Seria edificante p/ nós tradiocionais combatê-la? Conseguiríamos suprimí-la? Quais os impactos da Marcha e da nossa atitude caso seja contrária?
    Analisem o texto bíblico abaixo:
    "...E, respondendo João, disse: Mestre, vimos um que em teu nome expulsava os demônios, e lho proibimos, porque não te segue conosco.
    E Jesus lhes disse: Não o proibais, porque quem não é contra nós é por nós..." Lc 9.49-50

    ResponderExcluir
  2. A Paz, querido!
    O intuito deste post é justamente para que pensemos sobre esse evento; assim toda opinião será respeitada. Um abraço.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...