Sexo Egocêntrico: Um Desafio à Santidade 4/4

PORNOGRAFIA
Quero adicionar uma palavra breve aqui sobre a pornografia. Eu não preciso nem dizer a conexão que há entre a pornografia e a masturbação. Apesar dessa conexão, muitas discussões sobre pornografia não discutem também a masturbação. Mesmo assim, o grande objetivo de se ver pornografia é que ela sirva de combustível para a fantasia sexual e então culmine na masturbação ou noutra forma egoísta de expressão sexual. As pessoas não costumam ver pornografia e, em seguida ir lavar a louça! Pouquíssimos cristãos argumentariam que a pornografia é aceitável e, mesmo assim, inúmeros são atraídos e ludibriados por ela. Tal como a masturbação, a pornografia é inerentemente egocêntrica. Ele cria uma falsa intimidade entre um pessoa anônima numa revista (ou em uma tela) e o espectador. Provê escapismo e liberação, mas não exige qualquer esforço ou auto-negação. Cria uma perversão egoísta e egocêntrica do verdadeiro ato sagrado. Combinar masturbação e pornografia é compor pecado com mais pecado.

UMA BUSCA NÃO EGOÍSTA
Você percebe, então, como a masturbação nega a finalidade para a qual Deus criou o sexo? O sexo não foi feito para ser uma busca egoísta. Não se pretendia focar os pensamentos de uma pessoa sobre si mesma e sobre suas próprias necessidades. Pelo contrário, o sexo foi concebido como um meio de cumprir o mandamento do Senhor para estimar o outro como superior a si mesmo. O prazer do sexo não se destina a ser apreciado de forma isolada, mas a ser apreciado proporcionando esse mesmo prazer ao outro. Masturbação não pode cumprir o desígnio de Deus para a sexualidade e, portanto, não tem lugar na vida de alguém que se chama de cristão.

O EVANGELHO
Para aqueles que lutam contra este pecado, tenham bom ânimo, pois há esperança. Não encontre conforto naquele frio consolo que diz “todo mundo faz isso.” Tome conforto, em vez disso, na boa notícia do evangelho. O sangue de Jesus foi derramado por pecados como este e o poder do Espírito Santo foi dado a nós para que possamos superá-lo. Este não é um pecado que está além do poder de Deus. Você pode ser libertado.

PERGUNTAS E RESPOSTAS
1. Embora a masturbação não traga efeitos físicos nocivos, muitos rapazes que se masturbam ainda lutam com a culpa e a tristeza. Você se identifica com isso? Se você se masturbou no passado, você experimenta sentimentos de culpa?

2. É possível ter uma mente sem pecado, mesmo enquanto se masturba? Existe um argumento mostrando que o ato físico é inofensivo e que só as fantasias, que o acompanham, são erradas?

3. Você compreende por que a masturbação pode ser referida como "sexo egocêntrico" ou "sexo egoísta"? De que forma é que a natureza solitária da masturbação vai contra o plano de Deus para o sexo?

4. A Bíblia nos diz que o corpo de um homem pertence à esposa (ou futura esposa). Qual o impacto disso na discussão sobre a masturbação?5. Você quer parar de se masturbar? Ou é um pecado do qual você gosta tanto que você não possui desejo de abandonar e ficaria muito decepcionado se isso acontecesse?

6. Você acredita que Cristo está disposto a perdoá-lo por este pecado e que, através de seu Espírito Santo, ele está tanto disposto como é capaz de livrá-lo dele?
Fonte
Disponível em http://voltemosaoevangelho.blogspot.com/Texto original em http://www.challies.com/christian-living/sexual-detox-i-pornifying-the-marriage-bed

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...