Nossa Homenagem às Mães!


Uma das frases mais conhecidos popularmente a respeito das mães é aquele que diz que “ser mão é padecer num paraíso”; o que pouca gente sabe é que essa brilhante frase foi escrita por um homem, o maranhense Henrique Maximiano Coelho Neto (1864-1934). Coelho Neto, como ficaria conhecido, tornou-se popular em seu tempo por seus romances e poemas. É dele o mais famoso soneto de língua portuguesa para descrever as alegrias e desassossegos da dádiva de ser mãe e que tem suas frases repetidas ano após ano em um misto de alegria e perplexidade. Abaixo o soneto original, que nos servirá de homenagem a todas as mães:

SER MÃE

Ser mãe é desdobrar fibra por fibra
O coração! Ser mãe é ter no alheio
Lábio, que suga, o pedestal do seio,
Onde a vida, onde o amor cantando vibra.

Ser mãe é ser um anjo que se libra
Sobre um berço dormido; é ser anseio,
É ser temeridade, é ser receio,
É ser força que os males equilibra!

Todo o bem que a mãe goza é bem do filho,
Espelho em que se mira afortunada,
Luz que lhe põe nos olhos novo brilho!

Ser mãe é andar chorando num sorriso!
Ser mãe é ter um mundo e não ter nada!
Ser mãe é padecer num paraíso!


Um Feliz dias das Mãos àquelas que embalaram sonhos depois de acalentarem vidas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...